Meu Diário
17/06/2016 23h00
O SINO

O SINO

Escuto o sino da Matriz São Sebastião desde que nasci.Cresci escutando o sino badalar horas do dia, da noite e da madrugada.O sino badalou por toda minha vida aqui em Taquaritinga,anunciando acontecimentos auspiciosos ou não : festas,casamentos,enterros,missas,procissões etc...
Na infancia,em véspera de Natal,soava como canção de ninar. Ouví-lo do meu quarto a meia noite,durante a missa do galo,fazia-me lembrar que os presentes estariam no dia seguinte de manhã, fresquinhos embaixo da arvore de natal.
Era gostoso acordar com o sino,chamando para a missa da molecada as oito horas da manhã no domingo.A missa era só alegria e cantoria no encontro com amigos do catecismo.
Hoje sinto-me relaxada quando deito para dormir ao som do sino da Matriz.Também é muito bom escutá-lo de madrugada quando estou acordada no quarto escuro e a cidade silenciosa.
Quando o sino da Matriz badala,abre-se um portal de conexão com o passado,presente e futuro.O som penetra em dimensões além do aqui e agora,anunciando que continuará badalando mesmo quando eu me for,assim como já se foram os antepassados dessa cidade.
Agora mesmo acabou de tocar.Já é tarde.O sino está a me avisar que é hora de dormir.
Boa Noite.
           
                                            Taquaritinga / Maat 2016


Publicado por Maria da Penha Boselli em 17/06/2016 às 23h00
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.