Publicado por Boselli / cronicas/poesias/reflexões em Quarta-feira, 24 de abril de 2019
Textos


COMO ESTÁ NÃO DÁ PRA CONTINUAR

Impressionante...a França em turbilhão...Não ! Não é a Nova Queda da Bastilha ! Mas poderia ser...Faz parte da história...tá no DNA deles...
Há...se a Guilhotina estivesse em vigor....
Evoluímos...mas os franceses insistem em fazer rolar as cabeças...só que sempre cobertos de razão e com coletes amarelos.
No Brasil...Minas Gerais colhe o "karma "da Inconfidência Mineira e a morte bárbara de Joaquim José da Silva Xavier.
Rio de Janeiro colhe o "karma "de Men de Sá e seu sobrinho na barbarização das tribos locais para "limpar a área " ,tomar posse da região,e fundar a cidade mais tarde dita "maravilhosa "
Quantos "KARMAS " um pais sustenta no seu corpo astral pelas improbidade e barbaridades cometidas ao longo da história ? Qual a quantidade de energias amorosas e positivas necessárias para limpar esse astral ?
E a nível Planetário...pensou ? Imagino que o astral do Planeta Terra esteja bem trevoso...e contaminado em proporções bem maiores.
Tudo é energia...e se as energias geradas por comportamentos e pensamentos de baixa frequência não melhorarem...vixi...a coisa vai piorar.
Nossos pensamentos e comportamentos geram energias que afetam todo Campo Eletrônico ao redor do Planeta Terra.Cabe a nós ( humanos ) modificar tantas tribulações geradas no campo econômico,social,ideológico,emocional e mental.
Já estamos colhendo no âmbito climático as consequências de nossa insanidade. O Planeta vai nos obrigar a mudanças drásticas e dolorosas, porque está a serviço de uma Ordem Cósmica que não pode ser interrompida, desqualificada ou negligenciada...A ORDEM do AMOR.
Quem viver verá...Gaya vai nos colocar de volta no caminho que insistimos em procrastinar. E o processo já começou.


                               Maria da Penha Boselli* / 2019
                                          
Maria da Penha Boselli
Enviado por Maria da Penha Boselli em 02/05/2019
Alterado em 02/05/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários