Publicado por Boselli / cronicas/poesias/reflexões em Quarta-feira, 24 de abril de 2019
Textos


A CANJA RENDEU...
quando faço canja,sempre faço canja demais...Não consigo fazer pouca canja,mas o lado bom é que congelo pequenas porções sempre bem vindas numa emergência gastronômica.
O frio continua aqui em Sampa 🐧 com garoa muito fininha,quase invisível. Dá pra notar apenas pelo vidro do carro que fica pontilhado de gotículas prateadas e transparentes,do tamanho da cabeça de uma alfinete.
O dia tem só vinte e quatro horas e tem bastante serviço dentro de casa,além das horas de laser claro ( yoga,piano,auto aplicação de Jin Shin Jiutsu,alongamento de Tai Chi Chuan,meditações e orações )
O dia precisa render. Nada,nenhum
tempo pode ser desperdiçado.
Fui !💋

Maria da Penha Boselli* / 2019
Maria da Penha Boselli
Enviado por Maria da Penha Boselli em 14/08/2019
Alterado em 14/08/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários