Publicado por Boselli / cronicas/poesias/reflexões em Quarta-feira, 24 de abril de 2019
Textos


BANANA NA JANELA

Em uma certa manhã,resolvi colocar pedaços de bananas na janela do meu quarto.Foi um sucesso.
Em frente ao meu quarto tem grandes arvores,verdes e frondosas que abrigam muitos passarinhos.Sabias,bem te vis,e azuizinhos,vinham repetidamente bicar a fruta,até a banana acabar.Durante algum tempo eu os alimentei e foi tudo bem.
Embora assustados com a minha presença no computador,comiam a banana do mesmo jeito e lambiam os bicos. De vez enquanto um ou outro arriscava um voo nos limites do quarto.Aconteceu que um dia ( de repente ) eles pararam de procurar a banana,e eu então,algumas horas depois, recolhia os pedaços da fruta,porque ficavam cheios de formigas.Sem entender o que estava acontecendo,depois de uma semana recolhendo a banana cheia de formiga,desisti de alimentar os bichinhos.Meu filho esclareceu o mistério.
- Mãe…eles pararam de comer a banana,justamente porque as formigas avançaram território e se apossaram da fruta. Não é que as formigas vieram porque eles não estavam comendo a banana.É o contrário…Eles não estavam mais comendo a banana,porque a formigas vieram.De fato. As formiguentas tinham até trilha para chegar na banana. E foi o que espantou os passarinhos.Desisti da idéia e nunca mais coloquei banana na janela. Eu é que não vou alimentar formiga nenhuma. Vai formigar em outro lugar.

                                                                         Maat / 2015
Maria da Penha Boselli
Enviado por Maria da Penha Boselli em 08/02/2016
Alterado em 08/02/2016
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários